UM RECADO DE DEUS | 07.02.15 | Pr. André

0000

UM RECADO DE DEUS

Mensagem ministrada pelo Pr. André dia 07/02/15

Texto: Oséias 6.1-3

“Venham, voltemos para o Senhor. Ele nos despedaçou, mas nos trará cura; ele nos feriu, mas sarará nossas feridas. Depois de dois dias ele nos dará vida novamente; ao terceiro dia, ele nos restaurará, para que vivamos em sua presença. Conheçamos o Senhor; esforcemo-nos por conhecê-lo. Tão certo como nasce o sol, ele aparecerá; virá para nós como as chuvas de inverno, como as chuvas de primavera que regam a terra”.”

Oséias 6:1-3 NVI

O livro de Oséias é uma declaração de amor Deus ilustrada por um homem e uma mulher. Oséias é enviado por Deus a uma mulher chamado Gomer, essa é mulher era uma prostituta, Deus ordena ao profeta casar e ter filhos com ela. Demonstrando amor incondicional.

Ilustrando o amor de Deus ao seu povo.

O profeta viu seu povo trocar o seu Deus. O texto de Oséias 6 e mais uma tentativa de convocar o povo a voltar para Deus com um arrependimento genuíno. At- “porque “todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo” Romanos 10:13 NVI

O que Deus quer ensinar através da vida desse profeta?

Nossas independências de Deus podem nos levar a machucados sérios

“Venham, voltemos para o Senhor. Ele nos despedaçou, mas nos

trará cura; ele nos feriu, mas sarará nossas feridas.” Oséias 6:1 NVI

Oséias é um profeta durante um período de decadência de sua nação. O povo já estava colhendo o fruto de suas independências. Durante um período de 58 anos do ministério do profeta ele viu 6 reis assumirem o trono, 4 destes mataram os reis anteriores para tornarem-se Reis. A imoralidade já havia se espalhado em todo o reino. Os líderes falharam em ensinar a lei de Deus ao povo. Os escolhidos por Deus venderam seus corpos a prostituição. A dependência de Deus deu lugar a independência e a idolatria. O reino estava ruindo e indo em direção à ruína. O próprio Deus faz a acusação:

“Israelitas, ouçam a palavra do Senhor, porque o Senhor tem uma

acusação contra vocês que vivem nesta terra: “A fidelidade e o

amor desapareceram desta terra, como também o conhecimento

de Deus. Só se veem maldição, mentira e assassinatos, roubo e

mais roubo, adultério e mais adultério; ultrapassam todos os

limites! E o derramamento de sangue é constante.”

Oséias 4:1-2 NVI

O povo estava chegando a um estágio que a voz e o apelos de amor de Deus eram ignorados.

“Além do mais, visto que desprezaram o conhecimento de Deus,

ele os entregou a uma disposição mental reprovável, para

praticarem o que não deviam.”

Romanos 1:28 NVI

E como um pai que precisa corrigir o filho Com a varinha. Deus envia a correção. A varinha de Deus era o exílio. O povo iria enfrentar novamente a escravidão para lembrar da bondade de Deus. Muitas vezes a crise, o problema, a dor, a adversidade é a única maneira de parar nossa descida ao desfiladeiro. É o freio de mão Deus.

Aonde tuas independências de Deus tem te levado?

Fim de um casamento?

Fim de um relacionamento?

Fim de uma sociedade? De uma amizade?

Dívidas? Depressão?

Nossas independências podem levar a machucar as pessoas a nossa volta.

Gomer (completo) esposa de Oseias (salvação) tomou uma atitude independente do seu marido e voltou a se prostituir, isso machucou ela, machucou seu marido e filhos. Nossas atitudes independentes tem consequências.

A quem suas atitudes de independência estão ferindo?

Quem está sendo afetado por suas atitudes?

2. O amor de Deus pode nos trazer cura

“Conheçamos o Senhor; esforcemo-nos por conhecê-lo. Tão certo

como nasce o sol, ele aparecerá; virá para nós como as chuvas de

inverno, como as chuvas de primavera que regam a terra.”

Oséias 6:3 NVI

Existe uma caminho para a cura. Esse caminho é mediante a um arrependimento de nossas independências é uma entrega ao amor de Deus. O texto apresenta um Deus que quer ser conhecido pelos seus filhos. Muitas vezes como filhos nós demoramos a atender nossos pais. Fazemos a mesma coisa com Deus, entendemos o que Ele está falando, mas demoramos a atender.

“O meu povo está decidido a desviar-se de mim. Embora sejam

conclamados a servir ao Altíssimo, de modo algum o exaltam.”

Oséias 11:7 NVI

Essa demora em responder, em aceitar, em acatar a vontade de Deus pode estar nos afastando da cura. O que você não está querendo ouvindo? O que você não está aceitando? Deus está chamando você hoje! Está convidando você a conhecê-lo.

Por que precisamos nos esforçar para conhecer o Senhor?

Quando nos relacionamos com Deus e conhecemos, entendemos e podemos aceitar mesmo sem entender. Por que confiamos Nele. Passamos a entender que Deus já está fazendo alguma coisa. A ajuda já está a caminho.

Como essa cura de Deus vai chegar?

Ele chegará certo como um novo dia amanhece

“… Tão certo como nasce o sol, ele aparecerá;…”Oséias 6:3 NVI

Ele chegará como uma boa surpresa

“…virá para nós como as chuvas de inverno, como as chuvas de

primavera que regam a terra”. Vers.3

A Palestina dependia das chuvas para que seu povo sobrevivesse. As primeiras chuvas caiam em dezembro e preparavam a terra para serem aradas. As últimas chuvas caiam no final de março e início de abril e dava o desenvolvimento. Na tradução mais antiga diz a chuva serôdia. Seria a chuva que chega por último, depois do tempo, atrasado. Depois de toda a chuva que se esperava e a que vem tardia, é um boa surpresa. Em nossa hora de maior esgotamento Jesus estará vindo para dar novas forças, trazer uma boa notícia. Alimente a sua mente com essa verdade.

-Jesus está vindo para enviar novas forças.

-Nosso Deus vai mandar ajuda.

– Deus já está trabalhando por você!

Prossiga a conhecer esse amor de Deus, aproveite os desafios para extrair novas forças, valores, e verdades.

Conclusão

Resumo:

Nossas independências podem nos levar a machucados sérios, Mas no amor de Deus está a nossa cura. Depois de dois dias ele nos dará vida novamente; ao terceiro dia, ele nos restaurará, para que vivamos em sua presença. Os. 6.2

A verdade a que esse texto ele fala que existe uma boa notícia para o povo arrependido. O livro de Oseias é uma declaração de amor de Deus, um Deus que não desiste de seus filho. Um Deus que estica os braços para resgatar seus filhos do abismo mais profundo. Um Deus que ama seus filhos tanto ao ponto de permitir suas escolhas.

Ore e agradeça o amor de Deus pela sua vida.

COOPERADORES DE DEUS

COOPERADORES DE DEUS (Mensagem ministrada pelo Pr. Leandro em 31/01/2016) Texto-base: 1 Coríntios 6:1

Existe toda uma articulação divina para reconciliação do ser humano com Deus. Ninguém faz isso por conta própria. O Pai, sabendo da necessidade da redenção, proveu o plano necessário e enviou o seu Filho (João 3:16).

Deus proveu uma ampla graça (Efésios 2:8,9). Ele destinou homens para que operassem de conformidade com essa graça. Por meio do seu Espírito, Ele inspira os homens a cooperarem para a propagação da mensagem divina e assim exercem um papel ativo do plano de reconciliação (Mt 28:19,20). Primeiramente somos alvos de amor dessa operação reconciliação e, a partir disso, em resposta a essa graça gigantesca, passamos a ser cooperadores de Deus (2 Coríntios 6:1). Se você é discípulo de Jesus, você é um cooperador de Deus. Do Deus todo poderoso que criou tudo e todos. Você se enxerga assim? Como você se sente sendo um cooperador de Deus? Pela graça dele, você é um cooperador de Deus Aquela primeira de reação de Moisés, no Antigo Testamento, quando Deus falou que usaria a vida dele para libertar todo o povo da tirania do Faraó do Egito, se considerando incapaz, limitado, é compreensível até certo ponto. Por que Deus precisaria de mim? Como poderia eu, tão limitado e imperfeito, cooperar com um Deus tão santo e poderoso? Porque Ele escolheu fazer assim. E começou desde a criação do mundo. Ele criou tudo, mas foi dada ao homem o privilégio e a responsabilidade de cultivar a terra, dar nome aos animais, multiplicar a descendência da humanidade. Olhar para Bíblia por essa perspectiva fica empolgante. Ele não precisava, mas contou com a cooperação de Noé construindo uma arca. Ele não precisava, mas contou com a cooperação de Moisés para libertar o povo do Egito. Jesus não precisava, mas contou com a cooperação daquele menino com seus cinco pães e dois peixinhos para alimentar uma multidão de pessoas. Ele não precisava, mas contou com a cooperação de pessoas que tiraram a pedra do túmulo de Lázaro, que já estava morto a dias, para ressuscitá-lo. Jesus não precisava, mas contou com a cooperação dos seus primeiros discípulos para anunciar as boas novas, curar enfermos, libertar pessoas da opressão espiritual e emocional. Ele não precisa de mim e de você, mas Ele nos quer. E quer sim contar com a nossa cooperação.

COMO ENTÃO, ME TORNAR UM MELHOR COOPERADOR DE DEUS EM 2016?

• Me fortificando na graça que há em Cristo Jesus (2 Timóteo 2:1)

• Não atrapalhando a obra que Ele está fazendo primeiramente em mim. (Filipenses 1:4-6).

Como eu vou atrapalhar o que Deus está fazendo em mim?

Invertendo a oração de Jesus que fomos desafiados a adotar como estilo de vida na semana passada. “Não seja feita a minha, mas a tua vontade”. E falando assim para Deus: “Não seja a tua, mas a minha vontade.”

• Permanecendo (João 15:5). Você faz parte de uma igreja que crê que o ser vem antes do fazer. Tua vida é um canteiro de obras de Deus. Permaneça na fonte que é Jesus. Essa é a tua parte no que Deus está fazendo na tua vida. Coopere com isso. AMAR, CUIDAR E MULTIPLICAR DISCÍPULOS DE JESUS

• Pensando nas coisas do alto. Para ser um cooperador de Deus, eu preciso da ajuda do alto para pensar coisas do alto. (Colossenses 3:2). Com pensamentos do alto, sou lembrado que nesta terra sou estrangeiro e peregrino no mundo. Enquanto estiver aqui, coopero com o que Deus está fazendo no mundo.

• Entendendo que somos cooperadores de algo que já está acontecendo e que é maior do que nós. (Efésios 2:10; 1 Coríntios 3:6). Aprenda a ouvir quando Deus está falando com você. Descubra onde Deus está agindo e junte-se a Ele. Experimente Deus fazendo através de você aquilo que só ele é capaz de fazer.

• Trabalhando com fé, me esforçando com base no amor e sendo perseverante (1 Ts 1:3). • Colocando meus dons em ação para o bem comum (1 Coríntios 12:4-7). • Sendo aperfeiçoado em meio a dificuldades (I Coríntios 9:12b)

• Aprendendo a fazer tudo como para o Senhor (Cl 3:23,24) COMO ME TORNAR UM MELHOR COOPERADOR DE DEUS EM 2016? O fim de todas as coisas está próximo. Portanto, sejam criteriosos e sóbrios; dediquem-se à oração. Sobretudo, amem-se sinceramente uns aos outros, porque o amor perdoa muitíssimos pecados. Sejam mutuamente hospitaleiros, sem reclamação. Cada um exerça o dom que recebeu para servir aos outros, administrando fielmente a graça de Deus em suas múltiplas formas. Se alguém fala, faça-o como quem transmite a palavra de Deus. Se alguém serve, faça-o com a força que Deus provê, de forma que em todas as coisas Deus seja glorificado mediante Jesus Cristo, a quem sejam a glória e o poder para todo o sempre. Amém. (1 Pe 4:7-11) Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos”. (Mt 28:19,20)

ATENÇÃO: Se o privilégio de ser um cooperador do próprio Deus não ganhar a sua atenção, outras coisas vão ganhar.